EsportesFutebol

 

Supermaster 2017 – Neste domingo (30/07) tivemos a realização dos jogos de quartas de finais da competição. Jogos muito equilibrados marcaram a disputa de quem iria para as semifinais e ao final, sem surpresas na série “B” e com algumas surpresas na série “A”, saíram os semifinalistas.

 

Como foram os jogos:

 

Série “B”

 

Democrata “B” 2 x 2 América “B” – Jogo muito igual. Era o 4º contra o 5º e os americanos precisavam vencer, para honrar a queda de seu irmão da série “A”. Neste embalo e na pressão, os Americanos começaram até melhor e abriram o placar com o Clodoaldo, sempre ele, para alegria do Charles que torcia muito do lado de fora. Jogo ia igual, América na frente se defendia bem, até que o Percy, em um belo gol, deixou tudo igual, levando a partida assim para o intervalo. Na volta o América teve que sair mais, já que o empate não lhe favorecia e aí o Democrata, com outro golaço, desta feita do Francisco Fábio, tomou a frente do placar e as rédeas do jogo. Marcos Augusto ainda empatou para o América no final, mas a vaga ficou mesmo com os Democratas. “Jogo equilibrado e decidido nos detalhes. Parabéns ao Democrata” Waldyr (América). “Hoje mostramos quem somos. Jogamos com raça e muita determinação e merecemos a vaga” Gazu (Democrata).

 

Caiex 5 x 3 Duque – Jogo entre o 3º e o 6º. Caiex, que estava com as luzes de perigo acesas, pois mandou na competição inteira, caindo muito de produção na reta final quando já estava garantido no G4, mostrou que foi apenas um relaxamento natural, pois na hora que o bicho pegou, voltou a ser o Caiex de toda a competição. Caiex sempre mandando no jogo, abriu 2 x 0, com gols do Bala e do Carlos Magno. Duque tentou assustar, quando diminuiu com Helvio, concluindo assim o primeiro tempo da partida. Na etapa final o Caiex abriu 5 x 1, com gols de Maurício, que voltou de contusão e deu outra qualidade na distribuição das bolas de sua equipe e 2 do Raimundinho, o ligeirinho da equipe, matando a partida. Com o jogo ganho, Caiex deu aquela relaxada, o que permitiu ao Duque diminuir com Francisco Luciano e o Helvio, mas nada que ameaçasse a grande vitória do Caiex, provando a todos que é sim um dos grandes favoritos ao título do campeonato. “Jogo bom, tranquilo, domínio amplo do Caiex, fez os gols que precisava para voltar a vencer e embalar de vez. Agora é rumo à semifinal” Wellington (Caiex).

 

Puma 3 x 2 Esperança – Jogo entre o 2º e o 7º. Quem achou que a parada seria moleza para o Puma, o vice líder do campeonato, se enganou redondamente e quase que acontece uma zebra daquelas. Puma, o grande favorito do jogo, abriu com José Cícero e achou que a parada tava decidida. Só que o Esperança, cheio de esperanças, com seu bloco na rua, virou com gols de Jailson e Alexandre, levando a vaga parcial para o fim da etapa inicial. Na etapa final, o Puma assustado e preocupado com o placar adverso veio pra ser o Puma de toda a competição, mas muito nervoso, errava demais até sair o gol salvador do Wolney. O gol do empate, que lhe era favorável, deixou o Puma mais tranquilo, jogando o desespero pro lado do Esperança, que foi pra cima tentar o gol da vitória, mas logo o Acyremo fez valer a sua condição de artilheiro do campeonato e fez o gol que tirou as esperanças do Esperança de seguir. “Um jogo surpreendente. O adversário criou poucas chances, mas deu muito trabalho” Adriano (Puma). “Jogamos com muita vontade de vencer. Perdemos em falhas individuais. Renovamos o time e em 2018, viremos mais fortes” Xisto (Esperança).

 

Bola Preta “B” 2 x 1 Unidos – Era o 1º contra o 8º. Como todos os favoritos venceram seus jogos preliminares, não seria o Bola, líder e o maior favorito, que iria vacilar. Assim entraram em campo, mas o Unidos, jogando uma de suas melhor partida na competição, quis aprontar e trazendo uma zebra pro campo, abriu o placar com o Marco Antonio. O gol não chegou a assustar o Bola, mas o deixou preocupado, ainda mais que o seu gol não saia, até que saiu com o Flavio, que levou as duas equipes irem ao intervalo com este resultado e com o jogo totalmente aberto. Na etapa final, a melhor categoria do líder prevaleceu e o Flávio decidiu, espantando a zebra lá pro lado do Naval. “Jogo duro, difícil, decidido só no final. O Unidos jogou fechado e deu trabalho” Savio (Bola). “Bom jogo. Time deles jogou melhor, mas vendemos caro a vaga na semifinal. Preparados para o próximo ano” Osni (Unidos).

 

Os resultados dos jogos definiram os semifinalistas 2017 da Série “B”, que acontecerá no próximo domingo:

 

Bola Preta “B” x Democrata“B” decidem as 9h30 o primeiro jogo da semifinal, enquanto que Puma x Caiex decidem o jogo dois. Pelo que fizeram durante todo o campeonato, os favoritos naturais seriam Bola e Puma, que jogam pelo empate, mas, pelo que vimos nas quartas de finais, Caiex foi a única equipe que não sofreu e entra como favorito contra o Puma, mesmo com a desvantagem, enquanto que no primeiro jogo, cravamos o empate e o Bola leva a vaga. Finalistas apontados pela redação – Bola x Caiex.

 

Seleção das Quartas de Finais:

 

Goleiro: Ruas (Democrata). Ala Direita: Demontier (Puma). Zagueiro: Angelo (Bola). Ala Esquerda: Riede (Caiex). Meias: Percy (Democrata), Mauricio (Caiex), Vicente (Bola) e Raimundinho (Caiex). Atacante: Acyremo (Puma).

 

Série “A”

 

Raça 4 x 2 Trayras “B” – Jogo entre o 4º x 5º. O Raça, atual campeão, que alternou bons e maus momentos durante a competição, pegou o regular Trayras “B”, mas na hora do vamos ver, Raça mostrou seu bom momento que superou a regularidade com tranquilidade. Após um início igual, Raça, com um gol montado depois de grande jogada do Kojeka na ponta direita, quando levou o seu marcador em uma meia lua de bobinho, tocou para o Claudio, que no tradicional jogo de pivô devolveu para que o seu ala fuzilasse, abrindo o placar e levando esta vantagem para o intervalo. Na volta para cumprir o restante do jogo, o Trayras tinha que sair, para buscar o empate que lhe favorecia, mas foi o Raça que aumentou com o Cláudio, que estava em um grande dia e a seu estilo, sempre bem colocado esperando a sobra só empurrou. Sem desistir do jogo, Trayras avançou as suas peças até conseguir diminuir com o Joselito, através de cobrança de pênalti, dando uma animada na galera do Salvador, mas foi só por pouco tempo, pois logo o Claudio novamente, se aproveitando de uma bobeira da zaga do Trayras aumentou, jogando um balde de gelo na galera do Bezinho, que, no incentivo de seu treinador, foi pro tudo ou nada e logo o Paulista, sozinho, ampliou pro Raça, deixando o Trayras com o nada. No finalzinho o Dito, em uma bonita cobrança de falta, ainda diminuiu, mas o jogo já estava decidido. “Jogo disputadíssimo onde o Raça aproveitou bem as oportunidades. Parabéns ao Trayras “B” pelo jogo” Kojeka (Raça).

 

Bola Preta 1 x 0 Fibrax – Jogo entre o 3º x 6º. Bola era o 3º, jogava pelo empate e era o favorito, mas a parada foi muito complicada. Fibrax fez uma bela partida, segurou bem os pontos fortes do Bola e depois de uma primeira etapa sem gols, Caio Cesar, na etapa final, aproveitou a oportunidade que teve e matou a parada, pois a vantagem ficou muito grande para ser tirada pelo Fibrax, que teria que fazer 2 gols para derrubar o adversário e ficou naquela, será que abro e vou pra cima, ou fico na minha tentando jogar no erro deles para buscar alguma coisa. Nessa indecisão o jogo foi indo e terminou assim. “Jogo equilibrado com poucas oportunidades de gol. Fibrax valorizou muito a nossa vitória. Parabéns as equipes” Elpídio (Bola).

 

Astória 1 x 0 Democrata – Jogo entre o 2º (Democrata) e o 7º (Astória). Democrata fez uma competição impecável, liderou 15 das 18 rodadas e sabia que de nada adiantaria toda a campanha se não vencesse este jogo, para lhe levar, pelo menos à semifinal. A parada até que não seria complicada, pois pegava o Astória, que era o 7º, só que todas as equipes da série “A” são muito equilibradas tecnicamente e todo o cuidado seria pouco. Como o empate era favorável ao Democrata, não jogaram como jogaram o campeonato inteiro, soltos, buscando o gol. Adotaram uma estratégica mais defensiva, preocupados com o adversário, mas logo o Zoreia abriu o placar, deixando o jogo do jeito que o Junqueira queria, para poderem jogar fechadinhos, buscando os contra ataques deixando o Zoreia incomodar os caras lá na frente. Em desvantagem, os Democratas teriam que sair, tentavam, mas o Astória bem armado atrás, soube suportar a vantagem até o final e levou a vaga, para os analistas de forma até surpreendente, pelo que as duas equipes fizeram na competição, mas não pelo que as duas equipes fizeram neste jogo. “Grande partida de futebol. O Astória foi cirúrgico, jogamos contra uma equipe organizada e com grandes jogadores. Fomos beneficiados por um momento relâmpago do Zoreia. Foi um grande jogo” Aldair (Astória).

 

Trayras “A” 0 x 0 Juventus – Era o líder contra o 8º. Tipo, ah, maior barbada do dia. Só que na hora que a bola rolou, não teve barbada nenhuma e se tinha algum barbado, veio pro jogo com a barba feita. Jogo disputado entre duas equipes, desniveladas na competição, mas muito niveladas neste jogo, em que qualquer vacilo seria fatal. Como não houveram vacilos, o jogo ficou sem gols e era o resultado que servia ao Trayras, que levou a vaga nas semis, pela vantagem do empate que o favoreceu. “Partida digna de final. Parabéns as equipes pelo belo jogo. Vamos Trayrada para mais uma semifinal” Fernando Wellington (Trayras).

 

Como ficaram as semifinais:

 

Trayras “A” x Raça fazem a primeira semifinal, seguidos de Bola Preta x Astória. Todas as equipes tradicionais e que já sentiram o gosto de serem campeões da categoria, mas para 2017, acreditamos em uma final entre Trayras x Bola, sem medo de errar.

 

Seleção das Quartas de Finais

 

Goleiro: Nadinho (Juventus). Ala Direita: Kojeka (Raça). Zagueiro: Geraldo (Raça). Ala Esquerda: Jorge (Bola). Meias: Pica Pau (Trayras), Roberto (Astória), Luis Carlos (Bola) e Dito (Trayras “B”). Atacante: Zoreia (Astória).

 

E vamos que vamos, não porque atrás vem gente, mas porque tem muita gente na frente.