EsportesFutebolNotícias

Master 2017 – No último sábado (02/12) tivemos a realização dos jogos finais da categoria. Depois de 410 jogos, 6 meses de competição e 969 gols, saíram os campeões. Em jogos em que a adrenalina esteve mais alta fora, do que dentro de campo, Fama na série “A” (finalmente) e Laranja na série “B” se consagraram como os grandes campeões do ano de 2017.

Como foram os jogos:

Série “B”

Laranja 2 x 1 Trayras “B” – Jogo começou nervoso, como em toda final e com as equipes se respeitando muito, ficou aquele jogo de meio de campo, com as equipes tocando de lado, tentando valorizar a posse de bola e esperando um erro do adversário até que aconteceu. Ramon, oportunista como sempre, pegou livre a bola, após bobeira da zaga e com categoria abriu o placar para o Trayras, indo assim para o intervalo. Na volta o jogo continuou como estava, mas com o Laranja um pouco mais agudo e arriscando um pouco mais, foi premiado com o gol do Alessandro, que deixou o jogo um pouco mais aceso. Em seguida Hiel, um dos destaques do jogo e da competição pelo lado do Laranja, honrou a sua condição de protagonista e virou, deixando o Trayras triste, sem forças de fazer mais nada e assim concluíram o jogo. Após o jogo a galera do Laranja festejou bastante, mesmo fazendo a sua obrigação. “Fizemos a nossa obrigação. Parabéns ao Trayras pela bela partida e parabéns ao Laranja pelo título. Laraaaaaaaaaaaaaaaaanja” André Oliva (Laranja). Com o título da série “B”, Laranja que já foi campeão da série “A” em 2014, agora ficou completo com o título das duas séries e sobe junto com o Trayras para a elite em 2018.

Série “A”

Fama 1 x 0 Trayras – As duas equipes vieram pressionadas para o jogo. Fama, sempre favorito, mas nunca tinha chegado e o Trayras pelos dois vices de anos anteriores (2015 e 2016) iriam decidir o título maior da categoria, como as duas melhores equipes do ano, que chegaram com justiça. Em um jogo igual, em que as equipes muito bem plantadas jogavam por uma bola, ela até que veio cedo, quando o Willian abriu para os famosos ainda na primeira etapa. Na etapa final, o Trayras, querendo tirar a nhaca de vice, foi pra cima, teve grandes oportunidades, mas era dia do Cledson, que fazendo uma de suas melhores partidas do ano, com três defesas de cinema, garantiu o título de sua equipe. “Jogo digno de uma grande final, onde o Fama teve a felicidade de abrir o placar no início do jogo e soube sustentar a pressão do Trayras. Pra finalizar, quero dizer que quem disse que time de amigos não ganha campeonato estava enganado. Fama campeão” Paulinho (Fama). Com o resultado, Trayras amarga três vice campeonatos seguidos, os 3 perdidos por 1 x 0 (2015 e 2016 para o Bola Preta e este ano para o Fama) e só resta torcer para chegar logo 2018 para virar o jogo.

Após os jogos as equipes foram para a festa de premiação, os resultados ficaram no campo e com muita amizade envolvida todos se confraternizaram como tem que ser a coisa.

A partir de agora nossa arena ficará mais triste, mas o que conforta é que 2018 já está aí e começa tudo novamente.

A todos um ótimo Natal e um grande 2018 e se o ano novo for como foi 2017, já está bom, pois se melhorar estraga.