EsportesFutebolNotícias

Futebol de Campo Adulto 2018 – Após uma fase de classificação muito resenhada, pois a galera do adulto gosta de uma resenha, tivemos os jogos das semifinais, igualmente muito resenhada, mas resenhas a parte, quem tinha que chegar, chegou, vencendo no campo e não na língua. Nas semifinais da Taça de Prata, Pratão não teve dificuldades de vencer o América Jr e vai decidir a Taça com o River, que surpreendeu o Heinekoense. Na Taça de Ouro, onde a resenha é mais pesada, Puma passou o carro no até as semis invicto América/Astória e vai disputar o título com o Verona, que despachou o Camarões com o que precisava. Verona vai  pras finais como único invicto até aqui e apostamos nele.

Como foram os Jogos:

Taça de Prata

Pratão 2 x 0 América Jr – Jogo tranquilo para o Pratão, que tinha time para disputar pelo menos as pré semifinais da Ouro, não deu, e agora vai ter que honrar o nome na Taça de Prata.

River 2 x 0 Heinekoense – Heinekoense tinha a melhor campanha, já tinha vencido o River na fase de classificação, jogava pelo empate, ou seja, tinha tudo a seu favor, mas o River gosta de tirar coelho da cartola e fazer bons jogos quando está em uma situação desfavorável, e foi o que aconteceu. Com um golzinho em cada tempo, o 1º com Luigi e o segundo com Victor Oliveira, River tomou uma Heineken e vai para as finais. “A arbitragem prejudicou mais uma vez o nosso time. Se não fosse o juiz, estaríamos na final mais uma vez” Dedeco (Heinekoense). “Time de parabéns. Todo mundo jogou 100%, deixou tudo dentro do campo e fomos coroados com esta final. Não estamos satisfeitos não, vamos atrás do título” Jorge (River).

Finais:

Pratão x River – Tudo pode acontecer. Pelo retrospecto, apontamos o Pratão como favorito, mas viram o que o River fez na semi, logo, jogo sem favoritos. Aposta? Pratão.

Taça de Ouro

Puma 4 x 1 América/Astória – Jogo de muita pressão extra campo, pois chovia muito até a hora do jogo e o campo estava encharcado. Arbitragem deu condições de jogo, apesar da pressão do Puma para que o jogo não acontecesse, e foram decidir a primeira vaga na final. América/Astória vinha invicto, jogava pelo empate, e achou que o campo pesado o favoreceria, só que não, Puma pegou as rédeas do jogo desde o início, abriu o placar com o Marcos Martins na primeira etapa, forçando o adversário sair, pois a vantagem já tinha evaporado. Veio a segunda etapa e a parceria teve que sair e ao sair, facilitou para o Puma que aumentou com Arthur e Andreas, praticamente definindo o jogo. América/Astória fez o seu de honra com o Eric, mas nada que ameaçasse a vitória do Puma, que ainda fez mais um com o Julio Cesar, para tornar goleada e fácil, um jogo que na teoria seria difícil. “Time do Puma foi melhor durante a partida, perdemos a saída de bola  por causa de chuva e também perdemos qualidade técnica. Eles tem 99% de atletas pagos pelo patrocínio deles e aí podem escolher a dedo os bons jogadores. Parabéns Puma” Rodrigo (América/Astória). “Na primeira fase eles empataram com a gente, saíram comemorando e depois nas redes sociais ficaram falando segue o líder. Segue a gente agora no lado de fora, mais uma vez na final, fora os ovos” Renato (Puma)

Verona 0x0 Camarões – Jogo digno das semifinais com duas equipes de camisa pesada no clube. Pela numerologia era o ano do Camarões, pois desde 2012 sempre foi o campeão em anos pares, só que o Verona não deu bola para esta superstição e fez o que precisava. Foi um belo jogo, em que o Camarões não agrediu, jogou no erro do Verona que não aconteceu, defesa muito boa dos meninos do Verona, o  armador do Camarões não armou nada (Kaka) e Verona na final. Apesar de o Verona jogar pelo empate, foi dele as melhores oportunidades e ao final a caminhada da equipe para a final foi justa. ”Terceira final seguida para o Verona, vamos ver se desta vez sai o título. Jogo foi tenso, fiz questão de deixar o jogo mais emocionante, a bola não quis entrar de jeito nenhum, mas foi um jogo digno de semifinal entre dois times grandes e vamos lá” Rodolfo (Camarões).

Finais

Puma x Verona – Pelo conjunto da obra, apontamos o Verona como favorito, mas é assim que o Puma gosta de vencer. Aposta? Verona, lógico.

Se programe e não perca:

Finais Taça de Prata

Data

Hora

Confrontos

01/dez

8H45

PRATÃO

 

RIVER

 

Finais Taça de Ouro

Data

Hora

Confrontos

01/dez

10h30

PUMA

 

VERONA