EsportesFutebolNotícias

Futebol de Campo Veterano 2019 – No último sábado (17), tivemos a realização das finais do campeonato da galera acima de 34. Dois jogos bem movimentados entraram para a história e quem ficou bonito na foto no final foi o Clima de Montanha na Prata e Verona na Ouro.

Taça de Prata

Clima 3 x 0 América II – O América veio com seu time completo, tentando dar o seu melhor no último jogo da competição e começou até bem, dando sufoco na galera do Clima de Montanha, que começou o jogo sonolento. Jogo foi indo até que o André arrancou pela esquerda e abriu o placar com um bonito gol. O gol atordoou o América, que perdeu aquele ímpeto inicial ao que se aproveitou o Pedro Vilarim para aumentar, com sua esquerdinha de falta lá na gaveta e aproveitando que o América tava grogue, o Kiko (José Wellington) aumentou, fechando assim a etapa inicial. Com este placar, todos pensaram, o caixão tá fechado, mas o América ainda acreditava, voltou jogando bem e teve uma penalidade a seu favor. Beto 1013 gols bateu, e este número 13 o persegue, atrasou para o goleiro e aí mais ninguém acreditava que o caixão poderia abrir e não abriu mesmo. Final Clima 3 x 0 e Clima campeão da Prata. “Foi uma partida em que os dois times jogaram de igual para igual, mas nosso time em falhas individuais que tivemos lá atrás, tomamos o primeiro, o segundo e o terceiro e ficou difícil correr atrás” Maranhão (América). “Time grande. Ficamos chateados de jogar a Prata, pois somos um time de ouro, mas fizemos a nossa parte, buscando este titulo” Kiko (Clima).

Taça de Ouro

Verona 2 x 0 América – América veio para a final com moral, como a única equipe invicta, a de melhor campanha, favorita e cheia de estrelas, parecendo que só veio para cumprir o protocolo de jogar a final, pois todas as fichas estavam na casa vermelha. Só que, no outro lado tinha um Verona, aguerrido e com o artilheiro da competição. Jogo rolou e o script do protocolo não saiu como o esperado. Após um primeiro tempo morno, em que as estrelas ficaram atrás das nuvens, veio a etapa final e aí o tempo abriu para a estrela do Verona, Rodolfinho, que com dois gols, apagou todas as estrelas do América e levou a sua equipe ao titulo, logo na sua estreia no veterano, depois de tanto tentar no adulto, sendo vice nas duas ultimas edições. O América ainda teve chances de voltar pro jogo, após ter uma penalidade a seu favor, em que o Washington bateu pra fora, que desanimou todos os Americanos como que dizendo, se até o Washington, aquele mesmo, artilheiro varias vezes de brasileiro, carioca, também chamado de Coração Valente, cobrou um pênalti pra fora, hoje não é o dia, assim como não foi mesmo. “Falaram que eu estava fazendo só gol de pênalti, errei, só de raiva” Washington (América).  “Avisei antes, dá licença, teve gente que não gostou, teve gente que  achou que a gente era arrogante, mas deu a lógica” Serginho (Verona).

Ao final, tivemos a festa de premiação, com aquela resenha, irreverência e alegria de sempre, as equipes, cada uma a sua maneira foram bebemorar a grande competição e campeonato que segue. Vem aí agora para os trintões, o 30+ no soçaite.

Parabenizamos a todas as equipes que fizeram mais uma bela competição, parabéns aos finalistas e com destaque especial aos campeões e até a próxima.