Cinquentão, Sessentão e Setentão – Tá Escrito

70

Cinquentão, Sessentão e Setentão 2018 – Neste domingo (16/09) tivemos a realização de 10 jogos válidos pela 5ª rodada das competições. Um jogo movimentou o setentão, dois jogos o sessentão e Sete jogos escreveram a história do cinquentão e “Tá Escrito” abaixo, como na música do Revelação, escolhida para ser o tema da rodada.

Como foram os jogos:

Setentão:

Croácia (3º) 0 x 0 Inglaterra (4º) – Era o jogo entre as duas equipes que estão na parte de baixo da tabela. Precisavam vencer, mas com este empate, com cada uma pontuando um pontinho – vão saber esperar a sua hora.  “Os primeiros dois quartos foi muito igual. Nos dois últimos quartos, a Croácia criou muito, chegou muito, mas não tivemos a sorte, não fomos felizes, pois o goleiro Xisto esteve muito bem, mas jogamos bem. Se ver o número de escanteios, bola na área, só deu nós, mas é do jogo, foi muito bom” Rodrigo (Croácia). “Jogo foi ótimo, tudo bem, jogo Feliz, muito obrigado” Nilo (Inglaterra).

Sessentão:

Irã (2º) 3 x 1 Japão (4º) – Irã, quem te viu e quem te vê. Há 3 rodadas atrás era o lanterna, na ultima era o quarto e nesta, com esta vitória convincente, já é o 2º, provando que Basta acreditar que um novo dia vai raiar. Todos os gols saíram na etapa final. Paulo Lobo, em dia de lobo, fez os 2 primeiros para o Irã, Ribeirinho diminuiu para o Japão, mas o dia era do Irã e o Cavallari fechou o placar, colhendo o bem que plantou.  “Muitos desfalques de nosso time e nas falhas individuais eles fizeram a diferença, apesar do jogo ter sido igual” Hamilton (Japão). “Jogo muito difícil, muito seco o clima, a gente não estava aguentando mais. Eu fiz 2 gols, queria fazer o 3º para pedir música, mas valeu, estão todos de parabéns, jogo bem disputado e tudo dentro da harmonia que rege a competição” Paulo Lobo (Irã).

Austrália (1º) 4 x 0 Colômbia (6º) – Com a vitória do Irã na cabeça, e com aquela máxima, ninguém vai poder atrasar quem nasceu para vencer, Austrália, com 2 gols na primeira etapa marcados pelo Pereira e dois na segunda, marcados por Rogério e Leto, venceu com autoridade e segurou a liderança e a invencibilidade. “Fizemos uma boa partida, 4 x 0, sobramos” Bira (Austrália), “Jogo corrido, lua grande, nos esforçamos, mas infelizmente o adversário foi superior e vida que segue” Fernando (Colômbia).

Brilhos da Rodada:

Melhor Jogo:  Irã 3 x 1 Japão.

Equipe Destaque: Austrália.

Seleção da Rodada:

Goleiro: Fábio (Austrália). Ala Direita: Marcos Antonio (Colômbia). Zagueiro: Paulo Sergio (Japão). Ala Esquerda: Zé Marcos (irã). Meias: Cavallari (Irã), Joaquim Vitor (Japão), Moureau (Colômbia). Atacante: Paulo Lobo (Irã).

Cinquentão:

Brasil (2º) 5 x 2 Espanha (10º) – Bom jogo, equilibrado até a metade do segundo tempo, quando a Espanha cansou e os Brasileiros mataram o jogo. No primeiro tempo, Brasil, com dois gols do Paulo Jairo, já deu logo as cartas, só que a Espanha empatou com gols de David, mandando a tristeza embora. Na etapa final, Irineu desempatou, depois apareceu o He Man, aniversariante do dia, sem marcação e sabendo esperar a sua hora, para aumentar. Atrás no placar, Espanha tentou sair pro jogo e era tudo o que o Brasil queria, espaços e sem encontrar dissabor, matou o jogo com o Paulo Jairo, o artilheiro musical do dia. “Hoje o Brasil mostrou porque é uma das melhores seleções do mundo. Contra um adversário que saiu perdendo de 2 x 0, conseguiu o empate, mas no segundo tempo o Brasil mostrou o seu futebol e fez mais 3. Bom jogo” Gazu (Brasil). “Enquanto deu e tínhamos gás, conseguimos segurar a fortíssima equipe do Tite. Méritos deles” Gamarra (Espanha).

Polônia (12º) 1 x 1 Senegal (9º) – Duas boas equipes que se encontram na parte debaixo da tabela, que fizeram aquele jogo com medo de perder, que lhes tiraram a vontade de vencer. Depois de um primeiro tempo oxo, Álvaro abriu o placar, mas o Zé Rodrigues empatou, ficando assim e vai uma frase da música tema da rodada – As vezes a felicidade demora a chegar, aí é que a gente não pode deixar de sonhar. “Jogo dos desesperados. Ninguém podia perder, resultado justo 1 x 1 e ponto” Marcinho (Polônia). “Times fizeram um jogo equilibrado. Senegal com falta de banco e jogadores meia boca nos complicou, mas foi um bom jogo” Amarildo (Senegal).

Islândia (13º) 3 x 1 Argentina (3º) – A Argentina entrou em campo com a condição de vice, para jogar contra a Islândia que era a lanterna. Parecia que seria barbada. Só que a Islândia com esta máxima na cabeça – Guerreiro não foge da luta – mesmo saindo perdendo, já que a Argentina abriu o placar com o Vicente, cultivando a semente do amor e sabendo esperar a sua hora, Caio, com 2 gols, virou, levando a vitória parcial para o intervalo. Na volta, os Argentinos foram pra cima, mas sem ninguém poder atrasar quem nasceu para vencer, Huguinho, estreando na competição, fechou o jogo para a alegria dos Islandeses, que conseguiu a sua primeira vitória. “Futebol é isso aí, tamo junto, é nós, time deles apertou, jogamos com paciência, tocando bola, guardei o meu, é isso aí, vamos pra próxima” Huguinho (Islândia). “Jogo muito disputado, mas eles foram mais efetivos no ataque. A gente perdeu um pouquinho a linha que tínhamos traçado pra jogar, mas conseguimos nos divertir, apesar da derrota” Roque (Argentina).

Nigéria (6º) 0 x 0 Uruguai (7º) – Duas equipes iguais em tudo, em pontos, em vitórias, empates, derrotas, saldo de gols, gols prós e gols contra, e com a chuva vindo, no ritmo da musica, a chuva só vem quando tem que molhar, resolveram continuar tudo igual, mas com o resultado, cada uma caiu uma posição e saíram cantando que basta acreditar que um novo dia vai raiar, e vai mesmo, mas abrem o olho.  “Jogo complicado, time deles com mais posse de bola, nosso time tentando encaixar os contra ataques, no final acabou sendo um bom resultado para a nossa equipe. Acho que foi justo o oxo” Marcos Tadeu (Uruguai). “Fizemos uma excelente partida, dominamos o jogo, mas quem não faz gol não ganha jogo, infelizmente” Magrão (Nigéria).

Alemanha (11º) 1 x 1 Portugal (15º) – Duas boas equipes que vem mal na competição. Com uma primeira etapa sem gols, Portugal, na pior, pois segura a lanterna, logo com o Erga essa cabeça, mete o pé e vai na fé, abriram o placar com Amazonas. Só que a Alemanha, seguindo em frente e sem se apavorar, empatou com o Silvio e ficou nisso. “O time entrou sem banco, mas manteve o posicionamento e a garra o tempo todo. Superamos as dificuldades e o campeonato começou hoje” Amorim (Portugal). “Jogo que poderíamos ter ganho. Ficamos perdidos e desconcentrados. Empate acabou sendo justo” Silvio (Alemanha).

Suécia (1º) 3 x 0 México (14º) – Os líderes Suecos fizeram mais uma apresentação de gala. E com o ninguém vai poder atrasar quem nasceu para vencer, com gols de Sandro na etapa primeira e com Deus apontando a estrela de quem tem que brilhar – Fabinho, com dois gols na etapa final, brilhou e passou a régua e fechou a conta. “Nosso time como sempre, sai pro jogo, teve chances, a gente não faz, toma e depois tem que correr atrás. Todos os jogos aconteceu desta maneira” Lucio (México). “Perdemos um jogador com 5 minutos, estávamos vencendo por 1 x 0, o time deles se jogou todo para tentar virar e matamos o jogo no contra ataque. AABB está de parabéns, os times estão bem equilibrados, um campeonato gostoso de jogar” Sávio (Suécia).

Arábia (8º) 1 x 1 Costa Rica (5º) – Duas equipes que brigavam pelo G4 fecharam a rodada em um jogo igual. Mais outro jogo em que ninguém mexeu no placar no primeiro tempo, mas na etapa final, os Árabes, com o gol entrando no G4, abriram o placar com o craque e artilheiro da equipe Joselito, deixando os Costa Riquenhos tristes. Só que o Cezar, mandando tristeza embora, e acreditando e sem poder deixar de sonhar que dava de buscar a vice liderança, empatou, mas com o sol escaldante do meio dia, nada mais conseguiram fazer e saíram iguais, sabendo que devem esperar a sua hora. “Jogo a uma hora dessa é pra matar os velhos mesmo. Nosso time jogou bem. Saímos atrás depois de um peru de nosso goleiro que é zagueiro, corremos atrás, conseguimos empatar, 1 x 1, resultado justo” Carlão (Costa Rica). “Jogo bem equilibrado. Achei o placar justo, em função do maior domínio do time deles no primeiro tempo e nosso na etapa final, ambas as equipes tiveram várias oportunidades e resultado justo” Roberto (Arábia Saudita).

Melhor Jogo – Alemanha 1 x 1 Portugal.

Equipe Destaque– Islândia.

Seleção da Rodada:

Goleiro: Cláudio (Suécia). Ala Direita: Vieirinha (Argentina). Zagueiro: Sergio Carvalho (Polonia). Ala Esquerda: Jorge (Alemanha). Meias: Aldo (Nigéria), Lucio (México), Irineu (Brasil) e Caio (Islândia). Atacante:  Joselito (Arábia).

Quem brilhou – Artilheiro Musical:

Gazu (Brasil) – Fez 3 gols, na tranquila vitória de sua equipe (5×2 Espanha). Pediu a música “Por Você” do Barão Vermelho e ofereceu a sua filha Julia. https://www.youtube.com/watch?v=zMxEyt5pdBk

 

Próximos Jogos:

Cinquentão – Sexta Rodada

Data

Campo

Hora

Confrontos

23/set

3

8h30

BRASIL

 

ARABIA

23/set

3

9h30

NIGÉRIA

 

PORTUGAL

23/set

2

10h30

ALEMANHA

 

POLONIA

23/set

3

10h30

MEXICO

 

SENEGAL

23/set

1

11h30

ARGENTINA

 

COSTA RICA

23/set

2

11h30

KOREA

 

URUGUAI

23/set

3

11h30

ISLÂNDIA

 

SUÉCIA

 

Sessentão – Returno – 1ª  Rodada

Data

Hora

Campo

Confrontos

23/set

9h30

1

RUSSIA

 

AUSTRALIA

23/set

9h30

2

JAPÃO

 

COLOMBIA

23/set

10h30

1

IRÃ

 

EGITO

 

Setentão – Sexta rodada (1ª Returno)

Data

Hora

Campo

Confrontos

23/set

8H30

1

CROÁCIA

 

FRANÇA

23/set

8h30

2

INGLATERRA

 

BELGICA

 

Quem cultiva a semente do amor,

Segue em frente e não se apavora,

Se na vida encontrar dissabor,

Vai saber esperar a sua hora

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Skip to content