TRANSPARÊNCIA E GOVERNANÇA CORPORATIVA: OS OBJETIVOS DE PAULO BOUÇAS NO CONSELHO FISCAL

Ex-diretor do Banco do Brasil e novo presidente do Conselho Fiscal da AABB Brasília fala sobre o planos para o quadriênio 2024/2027

273

Aposentado do Banco do Brasil desde março de 2023, Paulo Bouças entrou no BB em 1º de agosto de 1986. Foi menor auxiliar quando empossado em Uberlândia (MG) e encerrou a carreira como diretor de Governo. Associado da AABB há mais de 30 anos, é frequentador da Náutica e apaixonado pelo nosso clube.

Formado em Economia, com MBA em Marketing, foi responsável pela renovação da marca da AABB junto à FENABB, quando estava responsável pela área na Diretoria de Marketing do BB. Com qualificação no curso de Governança Corporativa pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), Paulo Bouças atuou como conselheiro fiscal na BBTur e na Brasilseg.

Confira a entrevista com o novo presidente do Conselho Fiscal da AABB Brasília.

 

Quais os principais objetivos do Conselho Fiscal para o quadriênio 2024/2027?

Paulo Bouças: O Conselho Fiscal, que é o órgão fiscalizador dos registros contábeis, econômicos e financeiros da AABB, terá o trabalho pautado na proteção do patrimônio e a garantia, pelo cuidado das contas, do bem-estar dos associados, proporcionando maior segurança aos Conselhos Deliberativo e Administrativo na tomada de decisões de alocação de recursos.

Portanto, nossa atuação, além de fiscalizar as contas para uma transparência total aos associados e dos Conselhos, será de participação ativa nas atividades da AABB.

 

Como ampliar a transparência das ações na AABB e manter a independência do Conselho Fiscal?

Paulo Bouças: O Conselho Fiscal tem que estar presente no dia a dia do clube e acompanhar as reuniões quando são convidados pelo Conselho Deliberativo e Conselho de Administração. Com isso, as dúvidas que por acaso possam surgir são dirimidas diretamente nos encontros pontuais, não deixando apenas nas conferências de balancetes e contas da AABB. A independência é estatutária, mas também compete a nós a participação constante para que tenhamos o entendimento das ações para elaboração de opiniões, recomendações e uma correta elaboração de parecer.

 

Qual a importância da renovação de 100% dos atuais integrantes do Conselho Fiscal?  

Paulo Bouças: Um Conselho Fiscal renovado é um Conselho sem viés de práticas adotadas em gestão anterior. O que garante, portanto, a qualidade de um Conselho, seja ele renovado ou reempossado, é o conhecimento e disposição de seus integrantes. Eu, particularmente, que já integrei a dois Conselhos Fiscais anteriores e uma participação na Diretoria da AABB de Uberlândia (MG), trago na bagagem o preparo, a proatividade e a visão empreendedora que será adicionada às excelentes competências dos demais membros deste Conselho Fiscal, que são pessoas de alto nível de qualificação no BB e fora dele.

 

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Skip to content