Interagências 2017 – As penalidades definiram a maioria dos semifinalistas

56

 

Interagências 2017 – No último sábado (13/08) tivemos a realização de 8 jogos válidos pelas quartas de finais da competição, sendo 4 pela série “B” e 4 pela série “A”. O equilíbrio e a adrenalina estiveram presentes nos confrontos que definiram, pela série “A”, quem serão os semifinalistas 2017 e pela série “B”, não só os semifinalistas, como também as equipes que subiram para a série “A” 2018.

 

Como foram os jogos:

 

Série “B”

 

Gama (8)0x0(7) Geate – Jogo parelho em que o medo de perder tirou a vontade de ganhar das duas equipes. Neste ritmo foram para as penalidades e depois de dez cobranças, Gama foi mais eficiente, pois esta história de dizer que penalty é loteria é desculpa que não cola mais, e conseguiu vencer. “Agradecemos a organização por ter convidado a gente pra participar da primeira divisão este ano, mas queríamos ir ganhando no campo. Conseguimos e Gama série “A” 2018” Wagner (Gama). “Fomos melhor, duas bola na trave e perdemos nos penaltys, fazer o que?” Giovani (Geate).

 

Dirco (4)2×2(2) Rede Asa Norte – Jogo entre dois favoritos em que a Rede Asa Norte tinha uma leve vantagem. Durante o jogo, a Rede, mais consistente, chegou a abrir 2 x 0, com Sandro na primeira etapa e Leonardo no começo da etapa final, mas recuou para tentar garantir o resultado, deixou a Dirco diminuir com o Varanda, colocando fogo no jogo e no final Felipe decretou o empate e o castigo para a Rede. Empate decretado foram para as penalidades e a Rede, mais pressionada, perdeu duas cobranças, logo com os atletas que fizeram os gols no tempo normal e foi eliminada. “Time da Dirco deu raça, sangue, corremos atrás, vamos Dirco – primeira divisão” Alípio (Dirco).

 

Dimpe (3)2×2(2) SRTVS/BB+ – Outro jogo equilibrado que durante o tempo normal tivemos várias alternativas, mas que terminou igual. Dimpe abriu o placar com o Cleiton, enquanto que a SRTVS/BB+ buscou o empate com Tiago Rodrigo, indo iguais para o intervalo. Na volta Silvandir virou, mas para ser mais justo, Rogerio Solda empatou indo mais um jogo, o 3º em sequência, para disputa de pênaltis. Na disputa depois de um perde e faz, Dimpe saiu vencedora e fez a festa. “Time jogou bem. Bruxa pegou o nosso time. Primeiro objetivo concluído. Agora que venha o título com muita humildade” Hunter (Dimpe). “O projeto da equipe deu certo. Caímos de pé. Ano que vem tem mais” Georges (SRTVS/BB+).

 

BBTEC 2 x 1 Vitec – Outro jogo equilibrado que definiria o ultimo semifinalista da Série “B”. Depois de uma primeira etapa em branco, as equipes vieram para o tudo ou nada na etapa final e neste embate, quem se deu melhor foi a BBTEC, abrindo 2 x 0, com gols de Matheus e Jean. No final Cassio diminuiu, deixou o jogo aberto e nervoso, com oportunidades ora da BBTEC de matar, ora da Vitec de empatar e levar para as penalidades, mas ficou assim.

 

Série “A”

 

Ditec 3 x 1 BBTS – Jogo entre duas equipes fortes, em que venceu a camisa. BBTS abriu 1 x 0 com Leonardo Borges e teve a faca, o queijo, o salame e tudo quanto é coisa para matar o jogo e seguir para as semis. Não matou, a bola puniu, pois no final o Humberto empatou, o Pepê virou e em seguida o Renatinho aumentou, tudo nos cinco minutos finais, quando a BBTS entregou o jogo. “Perdemos para nós mesmos. Tivemos cinco oportunidades para matar, não matamos e morremos no final” Ivanilson (BBTS). “Jogo duro. Time da BBTS valorizou bastante a nossa vitória” Batoré (Ditec).

 

Seguros 5 x 2 Getec – Jogo muito falado e brigado. Seguros mostrou logo a que veio, abrindo 2 x 0, com gols de Cleysson. Getec indo pra cima, diminuiu com Jambeiro, mas o Marcos Antonio aumentou para a Seguros e levou a sua equipe a vitória parcial para o fim da primeira etapa. Na volta, Getec sem alternativa foi pra cima, diminuiu com o craque Felipe Carvalho e entrou no jogo, mas a partir daí começaram a dar ouvidos para a torcida, Getec se desconcentrou e o Guilherme e o Carlan se aproveitaram e mataram a partida a favor do Seguros.

 

UGS (4)0x0(3) SMU – SMU era o favorito, mas como favoritismo não entra em campo, a síndrome das quartas caiu novamente sobre a equipe do SMU, que já caiu inúmeras vezes nesta fase. Não foi aquele oxo medroso, as equipes até tentaram, mas não conseguiram e foram para as penalidades. Nas cobranças SMU perdeu as duas primeiras batidas, o que deu tranquilidade à UGS, que não desperdiçou nenhuma e saiu pro abraço. “Jogo muito duro, muito disputado, onde as duas equipes buscaram o gol a todo momento, não conseguimos e nas penalidades a equipe deles, muito nervosa, desperdiçou as duas primeiras cobranças, facilitando os nossos cobradores que foram bater mais tranquilos e ninguém desperdiçou” Henrique (UGS).

 

Gesic “A” 3 x 1 Gesic “B” – Jogo entre irmãos, em que o irmão mais novo deu uma assustada no início, quando o Rodrigo Cesar abriu o placar mais foi só. Logo a galera do Paraiba tomou conta do jogo, empatou ainda no primeiro tempo com o Carlos Roberto, para o Paraíba, duas vezes, acabar com a brincadeira na etapa final. “Zebras “B” fez um belo jogo, dominou a primeira etapa, mas no final o Paraíba desequilibrou”  Paulo Roberto (Gesic).

 

Após os jogos de Quartas de Finais, a adrenalina vai aumentar ainda mais no próximo sábado (19), quando teremos as semifinais e a definição de quem serão os finalistas 2017.

 

Como ficaram as semifinais:

 

Série “B”

 

19/ago

10h45

GAMA

 

DIMPE

19/ago

12h00

DIRCO

 

BBTEC

 

 

 

Série “A”

 

19/ago

13h15

DITEC

 

UGS

19/ago

14h30

SEGUROS

 

GESIC ‘A’

 

 

 

Feminino – Primeiro jogo da final

 

19/ago

15h45

BB DREAMS

 

ESTILO BRASILIA

19/ago

17h00

BB RESOLVE

 

BB COM VOCÊ

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais

Skip to content